sexta-feira, 17 de julho de 2009

Caminhos da Índia...visita ao Projac...

Eu sei e todos sabem também, que a Rede Globo pode ser 'considerada' a dona da mídia no Brasil. Com 'produção totalmente horizontal', ou seja, (Rádio Globo, Jornal O Globo, Globo Filmes, Portal Globo.com, 90% dos canais pagos controlados pela Globo (NET), etc...) ela é a maior concentradora de propriedades.
Obviamente por esse fato, tudo que ela cria é de uma qualidade inquestionável.
Mesmo ciente do seu monopólio e por mais criticada que possa ser, quem nunca sonhou em conhecer de perto o Projac?
Esse era um dos meus sonhos, que felizmente consegui realizar. Em viagem ao RJ conheci por acaso, um grupo de amigos que trabalham há muitos anos na Rede Globo. É claro que não quis parecer tiete, e nem comentei do meu 'sonho', sim porque era um sonho. Sempre disse 'um dia vou conhecer o Projac', e esse dia chegou, para minha alegria. Recebi o tão esperado convite e vivi uma experiência única. Assisti a gravação de "Caminhos da Índia", na época ainda não tinha ido ao ar. Conheci todo a cidade cenográfica, construída especialmente para esta novela. Presenciei uma das cenas em que o Márcio Garcia contracenava com Jandira Martins.
A riqueza dos detalhes, não tem como descrever porque ali naquele mundo de 'faz de conta', tudo é perfeito. A maquiagem dos atores, o figurino, os comércios com produtos indianos, a mesquita (com o mesmo tipo de material utilizado nas construções da Índia), os carros, enfim...
Alguns cenários são fixos, como é o caso da igreja, ali naquele local, foram realizados todos os casamentos das tramas da Globo. Outros são temporários, ou seja, ficam montados enquanto durar as gravações. Camarins, salas de reunião, sala de descanso, toailetes, refeitórios para os funcionários, cada novela tem a sua.
O Globomóvel (aquele parecido com o do Vídeo Show porém, menos incrementado) é um dos principais veículos de locomoção dos funcionários. Até eu andei neles, pois, percorrer todo o Projac a pé é impossível. Só para chegar no estúdio onde era gravado "Caminhos da Índia" eu andei cerca de 30 minutos, debaixo de um sol castigante.
Quem não está habituado a ver artista circulando livremente, porque temos mania de endeusá-los, até enjoa. Eles andam aos montes, misturados aos muitos funcionários que ali trabalham.
Levei uma máquina digital para registrar os melhores momentos, porém, como a novela não tinha estreado, não tive autorização de tirar fotos. Essas três poses, consegui com muito esforço, escondida mesmo.
Minha passagem pela cidade maravilhosa foi curta. Se tivesse mais tempo, com certeza, teria conhecido todos os departamentos da Globo. Coisa que não dá para fazer em apenas um dia.
Este sonho eu realizei. Que venha os próximos!


Nenhum comentário:

Postar um comentário